O (in)Sucesso Escolar – Um Olhar Sociológico

12 de Janeiro de 2009

Trabalho Escrito – Reflexão Crítica

Filed under: Trabalho de ECM — musiua @ 18:09

Como reflexão final o balanço deste trabalho de pesquisa e crítica é positivo, uma vez que foi possível saber um pouco mais relativamente às causas que podem conduzir ao insucesso escolar.

Verificou-se que à partida não há um culpado isolado para este fenómeno, pois as condições propícias a esta realidade podem ter várias origens. Foi ainda constatado que o apoio da parte dos Encarregados de Educação nem sempre acontece, verificando-se uma falta de estímulo, quando, por exemplo, não se incentivam os alunos a ler mais e a aprender sozinhos e uma falta de acompanhamento nos estudos remetendo esta tarefa para os explicadores.

Os alunos, por sua vez, não se sentem apoiados pelos pais e professores e por isso descuram o investimento nos estudos. Também se verifica que estes possuem muitas actividades “extra-escola” que os leva desinvestir nas tarefas escolares. Observou-se ainda que os alunos vão passando para níveis superiores de escolaridade sem terem bases bem consolidadas, que os ajudarão nas competências que têm que adquirir nos níveis de escolaridade mais elevados.

Os Professores devido às más condições que têm na escola, à falta de recursos materiais ou a má formação na sua carreira também contribuem para o insucesso escolar. Ao terem muitos anos de serviço acomodam-se e não acompanham as novas estratégias que vão surgindo como sendo as mais adequadas ao nível de maturidade dos alunos. O que pode acontecer também é que, por muito que o Professor invista na sua carreira, mais precisamente nas suas aulas, se os alunos não se mostrarem interessados, a sua auto-estima decairá e o seu investimento deixará de ter razão de ser. 

Assim poderá dizer-se que se não há investimento da parte dos Professores nas aulas e no apoio aos alunos, se os alunos não colaboram e não provêm de um meio social favorável e, por último, se os Encarregados de Educação não estimulam os seus educandos para o estudo criando um ambiente benéfico no seio familiar, então estamos presente condições propícias ao insucesso escolar.

Por todo o estudo que foi realizado pode-se dizer que são vários os culpados para o insucesso escolar. A escola não é capaz por si só, de eliminar o insucesso escolar, uma vez que as causas mais determinantes lhe são exteriores, no entanto o seu redimensionamento, a sua ordenação funcional e o aclarar dos seus objectivos terão força para fazer diminuir as taxas de insucesso escolar.

No fundo, a organização escolar e a família não são antagonistas, pelo contrário caminham as duas na mesma direcção e, por isso, a criança que mais partido tira das aulas é aquela cuja família a preparou melhor. Isto não significa que a falta de educação preliminar deva provocar irremediavelmente uma inadaptação escolar definitiva, mas é sempre mais difícil aclimatar à vida escolar aquela cuja infância foi infeliz e penosa.

Deixe um Comentário »

Ainda sem comentários.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: